InícioPortalCalendárioFAQRegistrar-seConectar-se
Buscar
 
 

Resultados por:
 
Rechercher Busca avançada
Últimos assuntos
» Onde e Aonde
A Dama de preto I_icon_minitimeQua Jul 06, 2011 7:17 am por Edvaldo Feitosa

» VENTO
A Dama de preto I_icon_minitimeQua Abr 27, 2011 5:46 am por Odir, de passagem

» Quadra - Parabéns São Paulo
A Dama de preto I_icon_minitimeTer Fev 08, 2011 2:28 am por Vilma Piva

» OUTONO - I - II - III
A Dama de preto I_icon_minitimeTer Jan 25, 2011 2:55 pm por Vilma Piva

» FUGA / SOLIDÃO
A Dama de preto I_icon_minitimeTer Jan 25, 2011 2:46 pm por Vilma Piva

» Folhas I
A Dama de preto I_icon_minitimeDom Jan 23, 2011 9:38 am por Marli Franco

» Ausência
A Dama de preto I_icon_minitimeDom Jan 23, 2011 9:35 am por Marli Franco

» DEUS NASCEU NO EXÍLIO
A Dama de preto I_icon_minitimeSab Jan 01, 2011 5:21 pm por Vilma Piva

» COMIDAS DE ANO NOVO
A Dama de preto I_icon_minitimeSeg Dez 27, 2010 3:01 am por Vilma Piva

Navegação
 Portal
 Índice
 Membros
 Perfil
 FAQ
 Buscar
Fórum
Parceiros

Compartilhe
 

 A Dama de preto

Ir em baixo 
AutorMensagem
Marco Hruschka
Amigo Bronze
Amigo Bronze
Marco Hruschka

Data de inscrição : 28/05/2010
Localização : Maringá

A Dama de preto Empty
MensagemAssunto: A Dama de preto   A Dama de preto I_icon_minitimeSab Jun 05, 2010 9:05 pm

Como o tempo passa rápido, meu amor. Estamos completando um ano juntos, mesmo sabendo que tu sempre estiveste me esperando, lamento não ter olhado com os olhos límpidos pra ti antes. Parece que foi ontem que beijei teus lábios esvaecidos, pela primeira vez. Será que não foi ontem mesmo que nos debruçamos sobre a relva e gozamos de um silêncio que tu nos proporcionaste?! Ah, quanta tranqüilidade na alma... estar na tua presença é um prazer indescritível, contigo faltam-me as palavras!

Lembro-me bem do nosso primeiro encontro, quando estava sentado no alto de uma montanha, lendo um livro que falava da tua beleza, e percebi que tu começavas a te aproximar, caráter altivo, misterioso... dominando-me na tua amplitude de sombras...

Esperei que tu chegasses até mim completamente e me envolvesse com teu manto de névoa, abraço lúgubre deleitoso... toque gélido escaldante...

Foi no inverno que nos enamoramos por quase doze horas ininterruptas... tu me envolveste com teu véu em aura e não deixou que eu sentisse frio, passei o tempo todo olhando para ti, admirando a tua infinita beleza, algo muito além da minha compreensão.

Há quem queira difamar a tua imagem perante o mundo, mas não temo as histórias que contam sobre ti, não temo as vozes que ouço quando estou contigo, não temo sequer as imagens que você me mostra, não a temo, temo perdê-la, mesmo sabendo que isso é impossível, pois posso achá-la em qualquer lugar...

Meu corpo é um mar de sentimentos quando o crepúsculo se aproxima, excito-me, definho-me... saúdo-te, despeço-me... é o fado de minha vida, carregá-lo-ei com beneplácito.

Será que na outra vida poderemos passar todas as nossas horas juntos? É um preço que estou disposto a pagar para tê-la ao meu lado por todo o sempre...

Sinto o vento da despedida tocar minha face...

Hoje você me surpreendeu, por fim, deixou-me o orvalho da manhã como beijo...

Ah! Já expiro de saudades... não suportarei esperar o turno de mais um dia para vê-la, oh, doce e bela Noite, dona dos meus sonhos diurnos, encontro-te em ti mesma...

Adeus...


Última edição por Marco Hruschka em Qua Jun 09, 2010 4:03 am, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Marli Franco
Amigo Diamante
Amigo Diamante


Data de inscrição : 03/07/2009
Localização : São Paulo - SP

A Dama de preto Empty
MensagemAssunto: Re: A Dama de preto   A Dama de preto I_icon_minitimeDom Jun 06, 2010 4:43 am

Marco

Querido Poeta belíssimo trabalho, prende atenção teu conto do começo ao final.
Com imagens e poesia alinhavadas na prosa envolve com os adornos dos sentimentos ricos.
Parabéns caríssimo , fantástica criação!

um beijo de violetas e meu carinho
A Dama de preto Barra5Fcuando
Voltar ao Topo Ir em baixo
 
A Dama de preto
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Lexus LFA

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
ESPAÇO CULTURAL PARA OS AMANTES DA POESIA  :: VARANDA POÉTICA :: SALA DA PALAVRA :: Contos Curtos-
Ir para: